Segundo dados da OMS, o Brasil tem a população mais ansiosa do mundo. A situação já é alarmante, e no momento atual com a pandemia de coronavírus, controlar a ansiedade se torna ainda mais difícil.

A quarentena, o medo e as incertezas fazem parte do nosso dia a dia, desde que a pandemia de coronavírus mudou nossas vidas. Para algumas pessoas, é mais fácil lidar com tudo o que estamos passando. Por outro lado, outras enfrentam muita dificuldade e a ansiedade torna tudo ainda mais complicado.

De acordo com dados de 2019, da OMS – Organização Mundial da Saúde, 18,6 milhões de brasileiros sofrem com transtorno de ansiedade, ou seja, 9,3% da população. Com isso, o país lidera o ranking de pessoas ansiosas no mundo.

Se você faz parte desse número e sofre com os sintomas de ansiedade, estamos aqui para te ajudar. O primeiro passo é identificar o problema, se você tem crise de ansiedade momentânea ou se tem um transtorno de ansiedade.

Qual a diferença entre ansiedade momentânea e transtorno de ansiedade?

Primeiramente, para cuidar da sua saúde mental, você precisa identificar os sintomas que sente em relação a atividades cotidianas.

Sentir ansiedade diante de situações pontuais como, uma reunião de trabalho, apresentação de um projeto, uma entrevista de emprego ou algo de novo na sua vida é comum e natural.

Por se tratar de algo desafiador, novo e que te tira da sua zona de conforto, sentir palpitação, mãos suadas e frias e um nervosismo acima do normal, se caracteriza como ansiedade momentânea. É aquele sentimento que vai durar por pouco tempo e logo passa, sem afetar seu comportamento.

No entanto, quando você sente dificuldade para lidar com situações corriqueiras, das coisas mais comuns como pegar um elevador ou ir ao supermercado, por exemplo, você pode estar passando por um Transtorno de Ansiedade Generalizada – TAG.

Entre os sintomas é comum sentir dificuldade para respirar, dor no peito, incomodo intestinal, suor, o coração disparado, medos irreais, pensamentos catastróficos, insônia, excesso de preocupação, entre outros. Muitas vezes, o TAG pode acometer em crises de pânico. Mesmo ciente de que está tento uma reação exagerada, é impossível controlar.

Em casos de transtorno de ansiedade, é preciso procurar ajuda profissional psicológica e psiquiátrica.

Além do tratamento para TAG, também existem diversas atitudes que podem te ajudar a enfrentar os sintomas ansiosos na sua rotina, sendo eles momentâneos ou mais graves. Confira!

15 dicas para te ajudar a controlar a ansiedade

Pratique Atividades Físicas

As atividades físicas são grandes aliadas tanto da saúde do corpo, quanto da saúde mental também. Isso porque, fazer exercícios libera os hormônios da felicidade – endorfina, serotonina e dopamina, que promovem o bem-estar.

Mesmo que você não sinta muita vontade, pense em alguma coisa que te agrada e comece o quanto antes. O ideal é se exercitar por, pelo menos, 3 vezes na semana.

Sempre procure também fazer treinamentos por pelo menos 40 minutos. Estudos mostram que depois desse tempo, a liberação dos hormônios da felicidade é potencializada.

Controle a Respiração

Às vezes, pode parecer difícil acreditar que respirar fundo possa fazer algum efeito em um momento de caos interior, mas acredite, faz!

Por isso, quando sentir os sintomas da ansiedade chegando, respire profundamente, prestando atenção no seu corpo. Inspire devagar, preenchendo todo o abdômen, depois expire lentamente.

A técnica é simples e totalmente eficaz, agindo no sistema nervoso e liberando a tensão do corpo.

Este vídeo do Mautama Krishnarabi ensina 20 técnicas de respirações, de acordo com os ensinamentos de Leonard Orr, criador do movimento “Respiração de Renascimento”:

Tenha Momentos Relaxantes

Fazer atividades que diminuam o estresse do seu dia a dia, é uma ótima maneira de controlar a ansiedade. Existem diversas formas para isso, sem que você precise sair de casa, como a meditação e a ioga, por exemplo.

Aqui no blog você pode conferir como começar a meditar, e no YouTube você encontra várias aulas de ioga para iniciantes, como no canal da Fernanda Yoga.

Veja esse vídeo para iniciantes e comece a praticar Yoga hoje mesmo:

Tome chá

Os chás, além de gostosos, muitas vezes agem como um abraço, né? Alguns deles contém substâncias que podem ajudar no controle da ansiedade. Entre as ervas estudadas e mais indicadas estão a camomila, a melissa, a valeriana e a passiflora.

Seja uma pessoa organizada

Ter a vida pessoal e profissional organizada, resulta em bem-estar. Por isso, organize a sua casa e suas tarefas.

Uma boa dica pode ser planejar o seu dia com antecedência, assim você tem mais controle do que esperar e dedica o seu tempo no que é importante. Mas lembre-se que se nem tudo sair como o planejado, tudo bem!

Caso a ideia te agrade, que tal conhecer o método de organização GTD?

Aposte em Aplicativos

Aplicativos para ansiedade também podem ser grandes aliados no seu dia a dia. Existem diversos, mas vamos te indicar aqui 6 deles que são gratuitos e estão disponíveis para Android e IOS:

E neste artigo, nós listamos outros bons exemplos de apps que podem te ajudar na prática da meditação.

Atente-se aos conteúdos que você consome!

Devido a pandemia e a quarentena, estamos assistindo TV, lendo noticiários e consumindo conteúdo digital mais do que nunca, né?

Mas é preciso tomar um certo cuidado com o excesso de informações. É claro que precisamos nos informar sobre o que está acontecendo, porém não precisamos acompanhar as más notícias o tempo todo. Isso não é saudável.

Caso o seu dia não esteja bom, deixe para se atualizar no dia seguinte, não tem problema. Separe um período para ficar por dentro das notícias, mas não foque tanto nisso. A dica vale para todos os meios de comunicação que você costuma usar.

Da mesma forma, são os conteúdos de entretenimento. Vários deles tem um tema pesado e se você não estiver emocionalmente bem, internaliza o que viu e fica pior. Deste modo, aposte em coisas que te deixem feliz, seja uma comédia ou algo do tipo.

Já indicamos aqui uma lista com filmes e séries sobre depressão e ansiedade que podem ser uma boa também.

Faça mais do que você gosta

Infelizmente, as nossas atividades de lazer estão suspensas, mas ainda assim, não deixe de fazer coisas que te façam feliz.

O fato de não podermos sair e nos reunir com pessoas, não significa que devemos nos afastar delas. Faça vídeo chamadas com a galera e com a família.

Os jogos on-line como o Gartic, também são ótimos para se divertir junto com outras pessoas, mesmo que de longe.

Dedique um tempo para o seu autocuidado

Entenda como autocuidado, tudo aquilo que te faça bem. Cuidar da pele, do cabelo, estudar, ou simplesmente não fazer nada.

Muitas vezes, ficar sem fazer nada, apenas deitar e ouvir suas músicas preferidas, por exemplo, pode ser o melhor que você possa fazer por si.

Afaste-se de pessoas tóxicas

As pessoas tóxicas estão por aí em todo lugar. Elas estão sempre reclamando e sendo pessimistas o tempo todo. O momento atual já é difícil, e lidar com quem só piora a perspectiva das coisas não é legal, né? Por isso, o melhor que você pode fazer pela sua saúde mental é se afastar delas.

Pode parecer radical, mas deixar de seguir ou parar de ver conteúdos para baixo que essas pessoas postam, vai te ajudar com certeza. Muitas vezes você pode ler algo que te abale e desperte a sua ansiedade, e isso é tudo o que você não quer, certo?

Foque no presente

A ansiedade sempre nos faz pensar e projetar momentos futuros, e nos perder em devaneios do que pode ou não acontecer. Mas treine a sua mente todos os dias para manter o seu foco no presente. Quando você se concentra no momento atual, tem maior controle para analisar, julgar e agir.

Por exemplo, em vez de se angustiar pensando em como ficará a sua vida profissional no futuro, pense no que você pode fazer agora, como um curso.

Focar no presente pode te ajudar a controlar a ansiedade

Lembre-se, o seu corpo SEMPRE está vivendo o presente, mas e sua mente?

Geralmente, quando pensamos muito no passado, temos tendência a ficarmos depressivos. Se focamos muito no futuro, grandes chances de estarmos ansiosos.

Treine a sua mente a viver o agora. Isso pode ser um grande diferencial

Alimente pensamentos bons

Como já mencionamos, um dos sintomas da ansiedade é o pensamento catastrófico. Você desenvolve a capacidade de projetar o pior, mesmo em uma situação simples, como ficar em uma fila.

Nesses momentos um pensamento positivo pode te salvar de uma crise. Pode parecer muito difícil no começo, mas com treino e prática você aprende a substituir projeções negativas por boas lembranças.

Afinal, os nossos pensamentos influenciam nossas ações e sentimentos.

Dê um tempo das redes sociais

As redes sociais influenciam e muito os nossos sentimentos e comportamentos, ainda que a gente não perceba.

Dar um tempo delas ajuda bastante a controlar a ansiedade. Afinal, aquele pensamento de “a grama do outro é sempre mais verde” pode surgir e te deixar mal.

Lembre-se sempre que apenas momentos bons são compartilhados, e que ninguém tem uma vida perfeita. Além disso, nem tudo o que é postado é verdadeiro e de fato uma felicidade.

Prepare-se para dormir bem

Pessoas ansiosas muitas vezes também sentem insônia, por isso tenha rituais que te ajudem a dormir bem. Deixe o celular e a TV de lado. Aposte em um chá, uma leitura e/ou em músicas relaxantes.

Uma boa noite de sono influencia o nosso humor e bem-estar.

Faça terapia

Todas as dicas datas até aqui irão te ajudar a controlar a ansiedade no dia a dia, mas a ajuda de um/ uma profissional pode fazer toda a diferença. Por esse motivo, a terapia é a melhor solução para tratar os sintomas.

No atual cenário, psicólogos estão oferecendo atendimento gratuito para ajudar durante a quarentena. É ser uma ótima forma para você se sentir melhor.

Então, essas foram as nossas dicas. Mas e você, conhece alguma outra sugestão que ajuda no controle de ansiedade? Compartilhe com a gente, e compartilhe também o nosso post para ajudar mais pessoas que possam estar precisando.