Se você acompanha minimamente as notícia pela internet, com certeza têm ouvido falar muito no nome Jane Fonda. A atriz e ativista tem 81 anos foi detida 3 vezes em 3 semanas (até o fim desse texto). E ela já afirmou que não vai parar!

Com uma personalidade daquelas, ela está indo até a frente do capitólio americano toda sexta-feira protestar e já falou que isso se repetirá por muitas semanas, até que o governo americano atenda às reivindicações dessas manifestações.

Quem é Jane Fonda?

Quer conhecer melhor essa mulher tão forte e incrível e entender seus motivos? Então continue a leitura que vamos te contar tudo!

Quem é Jane Fonda?

Jane Fonda tem 81 anos e muita história na mídia norte-americana e mundial. Ela é atriz, escritora, ativista política, ex-modelo e também foi guru de exercícios físicos durante muito tempo. Lembra de ter visto aqueles vídeos com várias pessoas fazendo alongamentos, danças e exercícios em uma sala de ginástica, com roupas coloridas e faixas na cabeça? Provavelmente você deve ter visto Jane Fonda nessa sala!

Jane já nasceu cercada de fama. Ela é filha do renomado ator Henry Fonda e começou a carreira de atriz bem cedo. Fez muitos filmes, se tornou sex symbol norte-americana e foi indicada ao Oscar 7 vezes, levando o prêmio para casa em duas delas: 1971 pelo filme “Klute – O Passado Condena”, e 1979 pelo filme “Amargo Regresso”, ambos como melhor atriz principal.

Jane Fonda filme amargo regresso

Já falou em se aposentar, mas voltou atrás e hoje protagoniza, junto de Lily Tomlin, a série original da Netflix “Grace and Frankie”, interpretando Grace.

Que sucesso de mulher, hein?! Agora vamos ao que interessa…

O histórico de ativismo de Jane Fonda

Desde os anos 60, Jane é uma das mais conhecidas ativistas de causas liberais nos EUA e criou uma forte ligação com o Partido Democrata. Foi nessa época que ela se envolveu de corpo e alma com as questões políticas do país, inclusive casou-se com Tom Hayden, senador e também ativista, um dos ícones da esquerda estadunidense.

Jane Fonda ativista

Jane apoiava os Panteras Negras, combatia a Guerra do Vietnã e criticava a política externa do país. Ela chegou a ir a Hanói protestar publicamente, o que fez com que ganhasse a inimizade de conservadores e do próprio Presidente Nixon.

Quem achou que a idade faria Jane Fonda sossegar se enganou!

Depois de ter sido tocada pelos discursos da adolescente sueca e ativista do meio ambiente Greta Thunberg, Jane se mudou para Washington e está super envolvida com causas relacionadas às mudanças climáticas.

O grupo do qual ela participa pretende persuadir os congressistas a apoiarem o Green New Deal, um conjunto de iniciativas que busca o fim da exploração de combustíveis fósseis e que propõe medidas para eliminar gradualmente toda a infraestrutura por trás dessa forma de geração de energia, chegando ao carbono-zero até 2050.

A ideia do grupo é participar de manifestações frequentes em frente ao Capitólio (prédio que serve como centro legislativo do governo dos EUA) para aumentar o senso de urgência em torno da situação.

Prisões

A sequência de prisões de Jane Fonda começou em 11 de outubro, dia no qual uma multidão se reuniu em frente ao Capitólio exigindo que o governo se comprometa a realizar medidas em defesa do meio ambiente e contra as mudanças climáticas.

Jane Fonda presa

Dez minutos de protestos foram o suficiente para que 16 manifestantes fossem presos pela polícia do Capitólio. Jane Fonda era uma dessas pessoas!

Segundo a polícia, em Washington é proibido obstruir a entrada de prédios públicos e, por isso, essa era uma manifestação ilegal, um ato de desobediência civil. Jane Fonda foi presa com um sorriso no rosto e com a expressão de missão cumprida.

O mesmo episódio está se repetindo todas as sextas-feiras desde então. Inclusive, no dia 25 de Outubro, outro ator entrou na onda e foi preso junto com ela: Ted Danson, da série “The Good Place”.

Ted Danson e Jane Fonda

Se a intenção era chamar atenção para o problema e para as exigências dessas manifestações, Jane Fonda está conseguindo o que queria!

O Caso do BAFTA

BAFTA (British Academy of Film and Television Arts) é o nome da Academia Britânica de Artes do Cinema e Televisão que possui uma das maiores premiações do cinema, considerada o Oscar Britânico. No dia 25 de Outubro, Jane Fonda receberia o Troféu Stanley Kubrick por excelência no cinema, no evento anual do BAFTA L.A., no Beverly Hilton. Acontece que ela havia sido presa novamente no mesmo dia e não poderia estar presente no evento.

Mas Jane Fonda não deixou o caso passar despercebido e enviou um vídeo de agradecimento ao evento, explicando, com uma pitada de sarcasmo, o motivo de não poder estar presente.

Bom, esse é um breve resumo de quem é Jane Fonda e de como suas ações estão chamando atenção para esse problema gravíssimo. Se a intenção dela era deixar os políticos de cabelos em pé e fazer com que eles tomem uma atitude sobre o assunto, pode ter certeza de que ela está no caminho certo!

Se quiser conhecer mais mulheres fortes como Jane fonda, leia outros artigos aqui do Plata o Plomo:

Quem aí virou (ainda mais) fã da atriz depois de todas essas ações? Deixe seu comentário aqui!

Você também vai gostar: